Brasil

Diretor-geral da PRF vira réu por improbidade administrativa

Silvinei Vasques tem prazo de 30 dias para apresentar defesa

O diretor-geral da PRF, Silvinei Vasques, durante entrevista coletiva sobre a Operação Eleições 2022 no segundo turno. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

25/11/2022 – 14:20:15

Com informações de Agência Brasil e revisão de redação

O diretor-geral da PRF (Polícia Rodoviária Federal), Silvinei Vasques, virou réu na ação civil movida pelo Ministério Público Federal por improbidade administrativa. Na ação, instaurada no dia 18 de outubro, o órgão alega que Vasques utilizou do cargo púbico para fazer campanha eleitoral para o então candidato à reeleição presidencial Jair Bolsonaro, entre agosto e outubro deste ano.

“O requerido participou de eventos públicos oficiais, concedeu entrevista em meio de comunicação, bem como fez publicações em suas redes sociais, na qualidade de diretor-geral da PRF e usando da imagem da instituição, com vontade livre e consciente de promover efetivas manifestações, por vezes veladas e outras ostensivas, de apreço ao atual presidente da República e candidato à reeleição Jair Messias Bolsonaro, com o fim de obter proveito de natureza político-partidária, inequivocamente demonstrado no pedido explícito de voto as vésperas do segundo turno da eleição presidencial”, diz a inicial do MPF.

A decisão do juiz federal Jose Arthur Diniz Borges determina a citação de Vasques para “oferecimento de defesa”, num prazo de 30 dias. O MPF pediu o afastamento imediato do diretor, mas a medida cautelar foi negada porque ele se encontra de férias até o dia 6 de dezembro.

Em decisão de ontem (24), o juiz complementou o despacho determinando a intimação da União Federal, em 15 dias, para “manifestar se há interesse no feito” e oficiar a gestão de pessoal da PRF para que informe, até o dia 7, “qual situação funcional do policial rodoviário federal Silvinei Vaques ao término do afastamento das férias”.

Bloqueios

Silvinei também é investigado pela Polícia Federal por suposta omissão para impedir os bloqueios nas estradas federais após o segundo turno das eleições presidenciais e demora para agir na dissolução das manifestações.

Diretores da Polícia Rodoviária Federal negaram falta de ação do órgão para impedir que manifestantes que não aceitam o resultado das eleições interditassem o tráfego de veículos em trechos de algumas das principais rodovias federais do país.

PRF

Em nota, a Polícia Rodoviária Federal informou que acompanha com naturalidade a determinação de citação ao diretor-geral, “uma vez que é o procedimento normal após representação formulada pelo órgão ministerial”.

“Saliente-se que o magistrado não acatou o pedido formulado pelo órgão ministerial de afastamento imediato do diretor-geral, sem a manifestação da parte contrária, determinando a citação do requerido para apresentação de contestação no prazo de 30 dias”, diz a nota.

A PRF acrescenta não saber informar se Vasques já foi notificado da decisão, uma vez que ele se encontra de férias.



Receba nossas principais notícias em seu celular
Participe dos nossos Grupos Oficiais


GRUPO DO WHATSAPP GRUPO DO FACEBOOK

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidos pelo whatsapp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Leia Também

Congresso abre ano legislativo com discursos em defesa da democracia

Brasil

Congresso abre ano legislativo com discursos em defesa da democracia

02/02/2023 – 18:42:24 Com informações de Agência Brasil e revisão de redação O Congresso Nacional iniciou...

CIS 5ªRS abre processo seletivo para a contratação de novos estagiários

Guarapuava

CIS 5ªRS abre processo seletivo para a contratação de novos estagiários

02/02/2023 – 15:59:51 Com informações de Secom Prefeitura de Guarapuava e revisão de redação Até o próximo...

STF restabelece prisão do ex-deputado federal Daniel Silveira

Brasil

STF restabelece prisão do ex-deputado federal Daniel Silveira

02/02/2023 – 13:31:26 Com informações de STF e revisão de redação O ministro Alexandre de Moraes, do STF...

Arthur Lira é reeleito para presidência da Câmara dos Deputados

Brasil

Arthur Lira é reeleito para presidência da Câmara dos Deputados

02/02/2023 – 11:22:08 Com informações de Agência Brasil e revisão de redação Em uma votação recorde, o...

Dr. Antenor estreia mandato de deputado com lugar na Mesa Diretora da Alep

Paraná

Dr. Antenor estreia mandato de deputado com lugar na Mesa Diretora da Alep

02/02/2023 – 08:33:05 Redação Na tarde desta quarta-feira (1°), o guarapuavano Dr. Antenor (PT), eleito...

Rodrigo Pacheco vence eleição e continuará no comando do Senado

Brasil

Rodrigo Pacheco vence eleição e continuará no comando do Senado

01/02/2023 – 19:14:43 Com informações de Agência Senado e revisão de redação O senador Rodrigo Pacheco...