Brasil

Projeto que obriga preso a ressarcir o Estado está na pauta da CCJ

Ao tornar obrigatório o ressarcimento, o projeto inclui a opção do uso de recursos próprios, além do pagamento por meio de trabalho

Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

10/02/2020 – 14:08:20

Agência Senado

Além da leitura do relatório da PEC dos Fundos (PEC 187/2019), a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) deverá analisar na reunião de quarta-feira (12) uma pauta com outras 53 proposições — entre elas, um projeto de lei que prevê a obrigação do preso de ressarcir o Estado pelos gastos com sua manutenção.

O PLS 580/2015 estava pronto para votação em Plenário, na forma de um substitutivo da senadora Soraya Thronicke (PSL-MS), porém os senadores decidiram enviá-lo para reexame na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Ao tornar obrigatório o ressarcimento, o projeto inclui a opção do uso de recursos próprios, além do pagamento por meio de trabalho. De acordo com Soraya Thronicke, a intenção do projeto é atingir principalmente os condenados que podem arcar com os custos da sua prisão do próprio bolso, uma vez que os presos mais pobres já têm a previsão do trabalho.

Senadores reticentes quanto ao projeto afirmaram ter dúvidas sobre como os estados e municípios iriam operacionalizar a nova regra. Também apontam a falta de disponibilidade de oportunidades para os presos que queiram trabalhar sob a legislação que já existe. Além disso, as manifestações contrárias ao teor do texto foram numerosas e provocaram o adiamento da votação.

Na CCJ, o novo relator da proposta, Alessandro Vieira (Cidadania-SE), apresentou novo substitutivo para deixar evidente no projeto que somente haverá obrigação de pagamento das despesas para os presos hipossuficientes — ou seja, sem condições financeiras — quando os presídios oferecerem condições de trabalho.



Receba nossas principais notícias em seu celular
Participe dos nossos Grupos Oficiais


GRUPO DO WHATSAPP GRUPO DO FACEBOOK

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidos pelo whatsapp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Leia Também

João Nieckars explica MP que garante empréstimo consignado com Auxílio Brasil

Guarapuava

João Nieckars explica MP que garante empréstimo consignado com Auxílio Brasil

08/08/2022 – 10:43:50 Redação Na última quinta-feira (04), foi publicada no DOU (Diário Oficial da União) a...

Sete candidaturas presidenciais estão registradas no TSE

Brasil

Sete candidaturas presidenciais estão registradas no TSE

08/08/2022 – 07:35:03 Redação Falta pouco mais de uma semana para o início da campanha eleitoral de 2022 e,...

Jonilson Pires é substituído por Chayane Andrade no comando da Secretaria Municipal de Saúde

Guarapuava

Jonilson Pires é substituído por Chayane Andrade no comando da Secretaria Municipal de Saúde

08/08/2022 – 07:06:32 Redação Na última sexta-feira (05), o médico Jonilson Pires foi substituído pela...

Assembleia vota a redação final da proposta que cria a Bancada Feminina na Casa

Paraná

Assembleia vota a redação final da proposta que cria a Bancada Feminina na Casa

05/08/2022 – 17:59:47 Com informações de Dircom Alep e revisão de redação Os deputados votam na sessão...

Prefeituras farão cadastro para o auxílio taxista

Brasil

Prefeituras farão cadastro para o auxílio taxista

05/08/2022 – 14:09:00 Com informações de Agência Brasil e revisão de redação Tem início hoje (05) e vai...

PL que propõe cobrança de água e luz por consumo real é aprovado na Comissão de Obras Públicas

Paraná

PL que propõe cobrança de água e luz por consumo real é aprovado na Comissão de Obras Públicas

05/08/2022 – 14:02:13 Com informações de assessoria parlamentar e revisão de redação O projeto de lei...