Brasil

PT é pioneiro na luta por maior participação das mulheres na política

Primeiro partido a adotar cotas para mulheres, PT tem a maior bancada feminina na Câmara Federal e ampliou em 25% o número de vereadoras eleitas em 2020

Foto: Elisa Elsie/Gov-RN

16/05/2022 – 18:46:01

Com informações de Agência PT e revisão de redação

Único partido com duas vereadoras em exercício na Câmara Municipal de Guarapuava, o PT tem sido vanguarda na luta pela igualdade de gênero e maior representação das mulheres na política. Por meio do projeto Elas Por Elas, da Secretaria Nacional de Mulheres do PT, o partido elegeu a maior bancada feminina da Câmara Federal nas últimas eleições nacionais, com dez deputadas federais, além de contar com duas governadoras cumprindo mandatos no Brasil.

“Quando o PT atravessou o período mais turbulento de sua história recente, as petistas não se furtaram de ir às ruas colocar suas vozes, seus corpos e seus corações para defender o projeto político que nos une. O resultado está nas urnas, nas ruas e nas pré-candidaturas”, acentua Anne Moura, secretária nacional de mulheres do PT.

Em 2020, o PT foi o partido do campo progressista que mais elegeu mulheres — outro resultado exitoso do projeto Elas Por Elas. Com 569 eleitas para o legislativo municipal: o PT liderou o ranking que foi seguido pelo PDT (507), PSB (411), PC do B com 122 vereadoras e PSOL com 31 eleitas em todo país.

À época, com mais de dez mil candidatas, o PT ampliou o número de eleitas em mais de 20%, saindo de 519 eleitas (entre vereadoras, prefeitas e vices) em 2016 para 647 eleitas em 2020.

No campo progressista, o PT também esteve à frente no ranking de vereadoras eleitas e elegeu o maior número de negras e jovens em todo país, demonstrando que está conectado com as transformações e os anseios da sociedade brasileira. Foram 267 vereadoras negras eleitas  e a proporção entre negras e brancas chegou a quase 50%, representando equilíbrio e a luta também interna por igualdade racial, reflexo da realidade da sociedade brasileira. Em outros recortes, o PT elegeu 53 jovens, 158 mulheres entre 30 e 39 anos, e 21 LBTQIA+.

“A nossa história por maior representatividade não começou agora, está nas nossas raízes e tem as mãos de muitas mulheres antes de nós. Ter sido o partido a eleger a primeira presidenta da história do país não foi uma casualidade, mas fruto de muita luta, organização e resistência”, explicou Anne.

O PT foi o primeiro partido a aprovar cota de gênero para cargos de direção nas instâncias partidárias, antes mesmo de existir cotas para mulheres na legislação nacional. Uma conquista alcançada por meio de muita mobilização, união e debate das mulheres petistas, em um momento que o país fervia com o processo constitucional.

Além do legado de Dilma Rousseff, como primeira presidente da história, demarcando a participação das mulheres no Executivo, também temos atualmente as únicas duas governadoras em exercício no país. A governadora eleita pelo Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra; e no Piauí, temos a Regina Sousa que foi eleita como vice-governadora e assumiu o cargo recentemente.

“Importante ressaltar que não se trata apenas de eleger mulheres, mas de eleger mulheres comprometidas com um projeto de país; e de garantir estrutura e acompanhamento para que elas possam legislar e governar de forma plena. Para isso, o projeto Elas Por Elas tem sido fundamental na consolidação da nossa democracia interna e externa”, reforçou Anne.

Projeto Elas Por Elas

O Elas por Elas é um projeto desenvolvido pela Secretaria Nacional de Mulheres do PT com o intuito de impulsionar a participação de mulheres na política e construir uma plataforma feminista para o Brasil.

Atualmente, no Brasil, as mulheres representam mais da metade da população brasileira. Porém a Câmara Federal (ainda chamada de “dos Deputados”, no masculino) possui apenas 15% de mulheres; e o Senado Federal, 12%. Em âmbito municipal, 900 cidades não tiveram sequer uma vereadora eleita nas eleições de 2020.

O Elas por Elas atua para transformar esse cenário em que sobressai a disparidade de gênero, com suporte para que esse despertar das mulheres seja canalizado para a luta por uma sociedade mais justa e democrática.



Receba nossas principais notícias em seu celular
Participe dos nossos Grupos Oficiais


GRUPO DO WHATSAPP GRUPO DO FACEBOOK

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidos pelo whatsapp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Leia Também

Gabinete de Transição instala Conselho de Participação Social

Brasil

Gabinete de Transição instala Conselho de Participação Social

30/11/2022 – 17:59:01 Com informações de Agência PT e revisão de redação A Coordenadora de Articulação...

Senado aprova regulamentação da telessaúde no Brasil

Brasil

Senado aprova regulamentação da telessaúde no Brasil

30/11/2022 – 14:59:15 Com informações de Agência Brasil e revisão de redação O Senado aprovou nesta...

Prefeitura de Guarapuava divulga ensalamento do PSS para estagiários

Guarapuava

Prefeitura de Guarapuava divulga ensalamento do PSS para estagiários

30/11/2022 – 12:17:13 Com informações de Secom Prefeitura de Guarapuava e revisão de redação A prefeitura de...

Lei Orçamentária Anual já recebeu 22 emendas de vereadoras e vereadores

Guarapuava

Lei Orçamentária Anual já recebeu 22 emendas de vereadoras e vereadores

30/11/2022 – 11:04:51 Redação A LOA (Lei Orçamentária Anual), lei que estabelece como será empregado o...

MPPR cobra instauração de procedimento para cassar mandato de Celso Costa

Guarapuava

MPPR cobra instauração de procedimento para cassar mandato de Celso Costa

30/11/2022 – 08:54:01 Redação O MPPR (Ministério Público do Paraná), em ofício enviado à Câmara Municipal...

Deslizamento de terra na BR-376 soterra carros e caminhões

Paraná

Deslizamento de terra na BR-376 soterra carros e caminhões

29/11/2022 – 18:24:13 Com informações de Agência Brasil e revisão de redação Um deslizamento de terra na...