Brasil

Senado faz debate sobre PEC dos Precatórios

Presidente da Casa, espera votar PEC no plenário em duas semanas

Foto: Roque de Sá/Agência Senado

23/11/2021 – 07:27:52

Com informações de Agência Brasil e revisão de redação

Senadores e especialistas debateram nesta segunda-feira (22) a Proposta de Emenda à Constituição dos Precatórios (PEC 23/2021), que parcela o pagamento de precatórios e muda regras do Teto de Gastos Públicos. De acordo com o governo federal, a proposta vai abrir espaço para o pagamento, até o final de 2022, do programa Auxílio Brasil — benefício social que substitui o Bolsa Família.

De acordo com o secretário de Orçamento do Ministério da Economia, Esteves Colnago, o texto original da PEC, enviado pelo Poder Executivo, previa um teto para o pagamento de precatórios e parcelava o pagamento dos precatórios que sobrarem após o atingimento desse teto. Ao tramitar na Câmara, os deputados federais acabaram com a possibilidade desse parcelamento e criaram um limite para esse pagamento calculado retroativamente desde 2016. Segundo Colnago, a PEC vai garantir a manutenção do teto de gastos.

Texto alternativo

Também participaram do debate os senadores José Aníbal (PSDB-SP), Oriovisto Guimarães (Podemos-PR) e Alessandro Vieira (Cidadania-SE). Os três apresentaram, juntos, um texto substitutivo à PEC 23/2021. Segundo Aníbal, a proposta deles possibilita o pagamento do Auxílio Brasil e “impede o governo de dar calote nos precatórios”. Para isso, o texto coloca fora do limite do teto de gastos os R$ 89 bilhões de precatórios que o governo federal tem de pagar em 2022.

Aníbal explicou que, atualmente, 85% dos precatórios a serem pagos são dívidas previdenciárias e trabalhistas de pequeno e médio valor. Já o senador Oriovisto Guimarães afirmou que a proposta alternativa acaba com as chamadas emendas de relator no Orçamento, impede o calote dos precatórios, preserva as regras do teto e busca tornar o Auxílio Brasil um programa permanente.

Bola de neve

Para o diretor da Instituição Fiscal Independente (IFI), Felipe Salto, o recálculo do teto de gastos, da forma como foi aprovado pela Câmara, é uma mudança “intempestiva e inoportuna”.  Salto ressaltou que, segundo cálculos da IFI, a PEC vai gerar “uma espécie de bola de neve”, acumulando os precatórios adiados e podendo totalizar mais de R$ 800 bilhões no final de 2026.

“Essa saída, de mudar o teto para abrir espaço fiscal, é muito ruim, porque leva a uma perda de credibilidade, é uma mudança que não tem base técnica”, afirmou.

No Relatório de Acompanhamento Fiscal publicado na quarta-feira (17), a Instituição Fiscal Independente advertiu que “a mudança retroativa da forma de correção do teto de gastos seria, na prática, o fim da regra como foi concebida”. E que, mesmo antes da votação da PEC no Senado, “os efeitos sobre o cenário macroeconômico já são sentidos” devido ao aumento da incerteza.

Votação da PEC

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), afirmou nesta segunda que, em duas semanas, a PEC dos Precatórios poderá ser votada no plenário da Casa. Antes de ir ao plenário, o texto ainda precisa ser analisado pela CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), nesta quarta-feira (24).

Em palestra na ACSP (Associação Comercial de São Paulo), na capital paulista, Pacheco ressaltou que a obrigação de pagar os precatórios é inquestionável e que, por isso, o assunto e a solução para o problema foi tão discutido. 



Receba nossas principais notícias em seu celular
Participe dos nossos Grupos Oficiais


GRUPO DO WHATSAPP GRUPO DO FACEBOOK

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidos pelo whatsapp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Leia Também

Prof.ª Bia acompanha distribuição de kits de higiene para mulheres do Residencial 2000

Guarapuava

Prof.ª Bia acompanha distribuição de kits de higiene para mulheres do Residencial 2000

03/12/2021 – 16:58:53 Redação Nesta sexta-feira (03), a vereadora Prof.ª Bia (MDB) acompanhou o Movimento de...

Cris Wainer realiza plenária para apresentar balanço do primeiro ano de mandato

Guarapuava

Cris Wainer realiza plenária para apresentar balanço do primeiro ano de mandato

03/12/2021 – 16:45:03 Redação A vereadora Cris Wainer (PT), irá realizar a primeira plenária de seu mandato...

PT realiza Plenária Regional em Guarapuava nesta sexta-feira (03)

Guarapuava

PT realiza Plenária Regional em Guarapuava nesta sexta-feira (03)

03/12/2021 – 13:52:03 Redação Nesta sexta-feira (03), a partir das 20h, o PT (Partido dos Trabalhadores) irá...

Publicado decreto que regulamenta o Auxílio Gás

Brasil

Publicado decreto que regulamenta o Auxílio Gás

03/12/2021 – 11:10:16 Com informações de Agência Brasil e revisão de redação O decreto que regulamenta...

Senado aprova Auxílio Brasil, programa social que substitui o Bolsa Família

Brasil

Senado aprova Auxílio Brasil, programa social que substitui o Bolsa Família

03/12/2021 – 08:44:12 Com informações de Agência Senado e revisão de redação Em votação simbólica, o...

Na Alep, CCJ aprova admissibilidade da PEC do espanhol

Paraná

Na Alep, CCJ aprova admissibilidade da PEC do espanhol

02/12/2021 – 18:30:09 Com informações de Dircom Alep e revisão de redação A CCJ (Comissão de Constituição...