Guarapuava

Por que o Aeroporto de Guarapuava está inoperante?

Anac afirma que a viabilização de voos não aconteceu por falta de uma certificação operacional. A Prefeitura alega que os procedimentos estão dentro do prazo previsto

Foto: Secom

Nesta quarta-feira (7), o Governo do Estado lança o Programa Voe Paraná, no Aeroporto do Bacacheri, em Curitiba, que em uma primeira fase totalizará dez novas rotas. Além da Azul, que já opera voos regionais em outras oito cidades, o programa receberá a adesão da companhia aérea Gol com a empresa de táxi aéreo Two Flex.

A expectativa era de que Guarapuava estivesse entre os novos percursos aéreos, mas a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) ainda não autorizou voos na cidade. O governador, Carlos Massa Ratinho (PSD), afirmou que outras cidades deverão encorpar o Voe Paraná nos próximos meses, desde que haja liberação por parte Anac e também escala de demanda.

Os municípios beneficiados, neste primeiro momento do Programa, serão Paranaguá, Arapongas, Campo Mourão, Francisco Beltrão, Paranavaí, Cianorte, Telêmaco Borba, Cornélio Procópio, União da Vitória e Guaíra. “São linhas aéreas que passam a estimular novos investimentos no setor produtivo, abrem a possibilidade de mais empresas virem para o Estado e fomentam o turismo”, destacou o governador.

Em maio de 2018, a Azul confirmou a inserção de voos comerciais ao Aeroporto Tancredo Thomaz de Faria, em Guarapuava. No entanto, obras de ampliação, adequação do local e falta de certificações da Anac, ainda não permitem que o local seja utilizado.

No dia 4 de dezembro de 2018, o prefeito Cesar Silvestri Filho (PPS) esteve em Brasília, em reunião com o superintendente de Infraestrutura Aeroportuária da Anac, Giovano Palma, com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Sandro Abdanur, e com o vice-presidente de Operações da Phenix Aeroportos, comandante Clairton Hammer.  A Phenix Aeroportos firmou com o Município um termo de doação de consultoria técnica por três anos. Na ocasião, Silvestri Filho anunciou que foi protocolado, junto a Anac, o processo que dava início à vistoria e homologação do Aeroporto e que as obras estavam praticamente concluídas.

O que diz a Anac

Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), por meio da assessoria de imprensa, informou ao iPolítica que para viabilizar voos em Guarapuava, é necessário que o operador do aeródromo (infraestrutura destinada à aterragem, à decolagem e à movimentação de aeronaves) do Aeroporto da cidade obtenha a certificação operacional de Aeroportos e que, até o momento, ele não iniciou o processo de certificação na Anac.

A agência reguladora explica que o processo de certificação é o meio pelo qual é feita uma avaliação da infraestrutura do lado ar do aeródromo e da capacidade do operador de de cumprir os regulamentos técnicos. De acordo com a Anac, a certificação de um aeroporto:

– define as especificações operativas (EO) do aeródromo, ou seja, os tipos de operações aéreas que o aeroporto está autorizado a receber; e

– atesta a capacidade do operador de aeródromo de cumprir os regulamentos técnicos da ANAC relativos à segurança operacional e resposta à emergência aeroportuária, comprovada por meio do Manual de Operações do Aeródromo (MOPS) aprovado pela Anac.

O que diz a Prefeitura

A Prefeitura de Guarapuava, por meio de nota, afirmou ao iPolítica que as obras do Aeroporto de Guarapuava seguem em execução, dentro do prazo previsto. A Prefeitura reiterou também que a certificação da Anac será obtida após a conclusão do projeto, uma vez que é necessário seguir rigorosamente todas as normas. A administração municipal concluiu que dentro dessas perspectivas, a cidade deve ser incluída na rota de empresas aéreas que atendam a demanda comercial da região.

 

Download WordPress Themes
Premium WordPress Themes Download
Free Download WordPress Themes
Download WordPress Themes
free download udemy course
download lava firmware
Premium WordPress Themes Download
download udemy paid course for free


Receba nossas principais notícias em seu celular.


ENTRAR NO GRUPO

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidos pelo whatsapp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Leia Também

Atletas de rugby da Guairacá são contemplados com o Bolsa Atleta da Secretaria Especial do Esporte

Guarapuava

Atletas de rugby da Guairacá são contemplados com o Bolsa Atleta da Secretaria Especial do Esporte

Ascom Faculdade Guairacá Seis atletas da equipe Lobo Bravo Faculdade Guairacá Rugby foram contemplados pelo programa...

Disque Idoso registra aumento de 80% nas denúncias

Paraná

Disque Idoso registra aumento de 80% nas denúncias

24-01-2020  –  12h Dircom Alep 1.528 denúncias foram registradas pelo Disque Idoso em 2019. A grande maioria...

Prefeituras poderão receber recursos para projetos de eficiência energética

Brasil

Prefeituras poderão receber recursos para projetos de eficiência energética

24/01/2020 – 08:26:50 Agência Senado Atualmente, a lei determina que 0,75% da receita operacional líquida das...

Projeto assegura atendimento domiciliar pelo SUS a pacientes com mobilidade reduzida

Brasil

Projeto assegura atendimento domiciliar pelo SUS a pacientes com mobilidade reduzida

23/01/2020 – 16:45:47 Agência Câmara Notícias O Projeto de Lei 6152/19 assegura a pacientes com mobilidade...

Acig e Energisa premiam empresas e residências com as decorações natalinas mais bonitas de Guarapuava

Guarapuava

Acig e Energisa premiam empresas e residências com as decorações natalinas mais bonitas de Guarapuava

23-01-2020 – 12h Decom Acig Promovido pela Acig, com o apoio da Energisa, o Concurso Brilha Guarapuava 2019...

Projeto estimula empresas a comprar livro acadêmico para estagiário

Brasil

Projeto estimula empresas a comprar livro acadêmico para estagiário

23/01/2020 – 08:28:26 Agência Câmara Notícias Segundo a proposta, que está em análise na Câmara dos...