Guarapuava

Presidente da ACIG pede apoio de vereadores nas medidas de flexibilização da abertura do comércio

Cledemar Mazzochin também fez um apelo para que empresários do município cadastrem-se junto aos bancos oficiais, cooperativas de crédito e ao Fomento Paraná na busca de recursos oficiais de auxílio durante a pandemia

Imagem: Assessoria parlamentar/Guto Klosowski

21/04/2020 – 09:13:24

Redação

Participando da sessão ordinária remota da Câmara Municipal nesta segunda-feira (20), o presidente da ACIG (Associação Comercial e Empresarial de Guarapuava) pediu que os vereadores apoiassem as alternativas buscadas pela associação para garantir o funcionamento do comércio no município.

Na semana passada, a ACIG encaminhou à Prefeitura Municipal um documento solicitando a abertura do comércio todos os dias da semana, com tanto que fossem seguidas todas as medidas de prevenção recomendadas.

O documento está sendo avaliado pelo poder público municipal, com o apoio do Comitê de Urgência do Coronavírus, que é formado por médicos especialistas.

“Nós queríamos pedir aos vereadores que se somem a essas alternativas que a gente busca no sentido de poder minimizar o problema econômico, que é com a abertura do nosso comércio em horários mais extensos, mais flexibilizados”, pontuou o presidente da ACIG durante a sessão.

Ele ressaltou a importância da busca por recursos oficiais de auxílio aos empresários – MEIs, micro, pequenos, médios e grandes – durante esse período de pandemia causado pelo coronavírus.

“Nós fizemos uma reunião na semana passada com o presidente da Fomento Paraná e ele pediu o auxílio no estímulo para que [os empresários locais] façam seus cadastros. E na sequência, fazendo esses cadastros, a ACIG irá referendar isso ao Fomento Paraná, para que se agilize o processo de liberação de recursos”, explicou Mazzochin.

“Continuem pedindo e orientando que as pessoas prestigiem o comércio local, porque é a partir de sermos, nesse momento, um pouco mais bairristas, é que nós vamos conseguir resolver o problema”, destacou Cledemar.

O vereador Rodrigo Crema (PSL) endossou a proposta afirmando que, em Guarapuava, apenas 10% dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) estão ocupados com casos de Covid-19.

“Se nós formos pensar que nós temos dois pacientes apenas na UTI e temos duas UTIs com 10 leitos. Então de 20 leitos, nós temos apenas 10% sendo ocupados pelo Covid-19. Já existem algumas normativas de algumas cidades pelo Brasil afora em que, 50% dos leitos a menos, você tem como liberar o comércio e, quando você atinge 50% dos leitos de UTI [ocupados], você começa a fazer uma restrição social mais avançada”, afirmou.

Já a vereadora Professora Terezinha (PT), que defende as medidas de isolamento social para contenção do vírus, demonstrou preocupação com uma possível maior reabertura do comércio não essencial.

“Entendo que a preocupação com a economia é legítima. Mas para isso nós precisamos cobrar, enquanto autoridades públicas que somos, que os governos, Federal e Estadual, socorram os municípios nesse momento para que possam oferecer possibilidades para que os empresários recorram. Eu não acredito que, no prazo de um mês, tenha empresário que já tenha quebrado para isso tenha que demitir seus funcionários, acho que só se a empresa já tinha problemas. Então nesse sentido eu pergunto [ao presidente da ACIG] se já tem levantamentos, se existem empresas que estão quebradas e estão demitindo dentro deste período de um mês”, questionou a vereadora.

Segundo o presidente da Acig, já existe um reflexo econômico deste curto período de fechamento do comércio.

“Já temos sim demissões feitas no nosso município. Talvez não na quantidade que muitas vezes se noticia, mas já existem demissões. Já existem acordos de redução de carga horária, automaticamente redução salarial, já existem contratos, agora firmados, de paralisação temporária dos serviços e tudo isso quando retomar ele demora um tempo [para normalizar]. Por isso que a gente coloca o seguinte: a flexibilização um pouco maior do horário para que a gente possa abrir o comércio todos os dias”, explicou Mazzochin.

Sugerindo um meio termos as discussões, os vereadores Elcio Melhem e Maria José (PODEMOS) propuseram a abertura do comércio durante três dias na semana.

A solicitação de reabertura do comércio, realizada pela ACIG, ainda está em análise pelo poder público e deve, segundo o presidente da associação, ter uma resposta ainda nessa semana.



Receba nossas principais notícias em seu celular
Participe dos nossos Grupos Oficiais


GRUPO DO WHATSAPP GRUPO DO FACEBOOK

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidos pelo whatsapp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Leia Também

Prefeitura de Guarapuava divulga ensalamento do PSS para estagiários

Guarapuava

Prefeitura de Guarapuava divulga ensalamento do PSS para estagiários

30/11/2022 – 12:17:13 Com informações de Secom Prefeitura de Guarapuava e revisão de redação A prefeitura de...

Lei Orçamentária Anual já recebeu 22 emendas de vereadoras e vereadores

Guarapuava

Lei Orçamentária Anual já recebeu 22 emendas de vereadoras e vereadores

30/11/2022 – 11:04:51 Redação A LOA (Lei Orçamentária Anual), lei que estabelece como será empregado o...

MPPR cobra instauração de procedimento para cassar mandato de Celso Costa

Guarapuava

MPPR cobra instauração de procedimento para cassar mandato de Celso Costa

30/11/2022 – 08:54:01 Redação O MPPR (Ministério Público do Paraná), em ofício enviado à Câmara Municipal...

Deslizamento de terra na BR-376 soterra carros e caminhões

Paraná

Deslizamento de terra na BR-376 soterra carros e caminhões

29/11/2022 – 18:24:13 Com informações de Agência Brasil e revisão de redação Um deslizamento de terra na...

PEC que retira Bolsa Família do teto de gastos recebe 28 assinaturas e vai à CCJ

Brasil

PEC que retira Bolsa Família do teto de gastos recebe 28 assinaturas e vai à CCJ

29/11/2022 – 15:10:10 Com informações de Agência Senado e revisão de redação A PEC da Transição, que...

O que esperar da nova presidência da Câmara Municipal

Guarapuava

O que esperar da nova presidência da Câmara Municipal

29/11/2022 – 10:59:51 Redação Após oito anos consecutivos da presidência de João Napoleão (PODE) na Câmara...