Paraná

Deputados iniciam debate sobre criação de uma carteira de identificação estudantil no Paraná

Foram cinco projetos apresentados sobre o tema na Assembleia Legislativa do Paraná

Imagem: Divulgação/MEC

04/03/2020 – 10:48:30

Ascom Alep

Após uma medida provisória do Governo Federal criando a carteira digital de estudante perder a validade por não ser analisada pelo Congresso Nacional, deputados paranaenses iniciaram a discussão de propostas semelhantes no Estado. Nesta semana, pelo menos cinco projetos de lei tratando do tema foram protocolados na Assembleia Legislativa do Paraná. As medidas apresentadas pelos parlamentares criam a Carteira de Identificação Estudantil do Paraná, aos moldes propostos pela União.

Em linhas gerais, as propostas criam um documento de identificação com a finalidade de comprovar a condição de estudante do cidadão matriculado em níveis e modalidades de educação e ensino da rede pública ou particular no estado do Paraná. Os projetos determinam que a carteira seja gratuita e preferencialmente digital, podendo ser emitida pela Secretaria de Educação e do Esporte (SEED) ou por outro órgão estadual definido pelo Poder Executivo. Também deve seguir o padrão de modelo único nacional, conforma a Lei Federal.

Os projetos estabelecem ainda que a validade da carteira será determinada pelo tempo em que o aluno permanecer matriculado em estabelecimentos de ensino no Estado. Por fim, o direito à meia-entrada prevista pela Lei Federal n°12.933/2013 poderá ser comprovado com a Carteira de Identificação Estudantil do Paraná. A Lei em questão dispõe sobre o benefício do pagamento de meia-entrada para estudantes, idosos, pessoas com deficiência e jovens de 15 a 29 anos comprovadamente carentes em espetáculos artístico-culturais e esportivos.

PLs – Foram protocolados os projetos 95/2020, de autoria do deputado Delegado Francischini (PSL), 100/2020, do deputado Emerson Bacil (PSL), 106/2020, do deputado Soldado Adriano José (PV), e 111/2020, do deputado Subtenente Everton (PSL). O deputado Luiz Fernando Guerra (PSL) também apresentou projeto semelhante. O PL 98/2020 altera a Lei nº 11.182/1995, que assegura o pagamento de metade do valor efetivamente cobrado para ingresso em casas de diversões, espetáculos, praças esportivas e similares, aos estudantes com a carteira de identificação estudantil digital do Paraná. Devido à similitude de tema, as matérias devem tramitar agrupadas.

Para o deputado Delegado Francischini, o novo modelo de carteirinha permite que todos os estudantes tenham direito ao auxílio. “O acesso a diversos benefícios hoje em dia é vinculado à apresentação de documento estudantil, que é expedido por diretórios e centros acadêmicos ou entidades estudantis, que exigem o pagamento de determinada quantia para sua emissão e manutenção, prejudicando estudantes de baixa renda”, diz a justificativa do projeto.

Já o deputado Emerson Bacil afirma na justificativa de sua proposta que o fim do prazo previsto para votação da MP n° 895/2019, do Governo Federal, torna necessário trazer a discussão para o âmbito estadual, criando-a com meios de não gerar despesas aos cofres estaduais. “Além da economicidade ao usuário do serviço, nos força a compreender que a carteira digital é um caminho natural e exigível”.

Para o deputado Soldado Adriano José, garantir a gratuidade do acesso é o principal ponto dos projetos. Segundo ele, a medida oportuniza aos estudantes ter acesso ao documento. “Atualmente é necessário dispender de certa quantia para emissão de documentos que comprovem a condição de discente, o que exclui estudantes de baixa renda”, justifica o projeto.

O deputado Subtenente Everton lembra em sua justificativa que a proposição não traz impactos financeiros ao Executivo. “O Projeto foca na criação da carteira no modo digital e o Paraná possui um sistema para implementação de forma fácil e ágil, utilizando o Paraná Inteligência Artificial”, diz.

De acordo com o projeto de lei proposto pelo deputado Luiz Fernando Guerra, a ID Estudantil Digital assegura o pagamento de metade do valor efetivamente cobrado para ingresso em casas de diversões, espetáculos, praças esportivas e similares aos estudantes de 1º a 3º graus, de cursos pré-vestibulares universitários, de cursos de educação profissional técnica e tecnológica, de cursos de jovens e adultos e de cursos de pós-graduação, regularmente matriculados em estabelecimentos de ensino públicos ou particulares no Estado do Paraná. “A ID Estudantil Digital passa a ser uma alternativa gratuita à carteirinha tradicional”, explicou o deputado.

Carteira nacional – De acordo com o Ministério da Educação (MEC), mais de 300 mil carteirinhas do órgão foram emitidas de forma digital e gratuita para os estudantes. Elas poderão ser utilizadas enquanto a matrícula do aluno em uma instituição de ensino estiver ativa no Sistema Educacional Brasileiro (SEB). Mesmo após medida provisória do Governo Federal caducar, a carteira de estudante continua a ter validade.



Receba nossas principais notícias em seu celular
Participe dos nossos Grupos Oficiais


GRUPO DO WHATSAPP GRUPO DO FACEBOOK

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidos pelo whatsapp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Leia Também

Prefeitura abre licitação de R$ 3,3 milhões para contratar serviços de publicidade

Guarapuava

Prefeitura abre licitação de R$ 3,3 milhões para contratar serviços de publicidade

15/08/2022 – 09:02:27 Redação A Prefeitura de Guarapuava está com uma licitação aberta para contratar uma...

Secretaria Municipal de Saúde promove curso de capacitação em Entre Rios

Guarapuava

Secretaria Municipal de Saúde promove curso de capacitação em Entre Rios

15/08/2022 – 09:02:06 Com informações de Secom Prefeitura de Guarapuava e revisão de redação A Secretaria...

Eleições 2022: Prazo para registro de candidaturas termina nesta segunda-feira (15)

Brasil

Eleições 2022: Prazo para registro de candidaturas termina nesta segunda-feira (15)

15/08/2022 – 06:39:06 Redação Termina nesta segunda-feira (15) o prazo para que partidos políticos,...

Povo foi às ruas e reagiu às ameaças autoritárias, comemoram senadores

Brasil

Povo foi às ruas e reagiu às ameaças autoritárias, comemoram senadores

12/08/2022 – 14:15:01 Com informações de PT no Senado e revisão de redação Por todo o país, o povo foi às...

Propaganda eleitoral começa em 16 de agosto e horário gratuito no rádio e TV no dia 26

Brasil

Propaganda eleitoral começa em 16 de agosto e horário gratuito no rádio e TV no dia 26

12/08/2022 – 14:05:38 Com informações de Agência Senado e revisão de redação O mês de agosto marca o...

TSE já recebeu nove registros de candidaturas à Presidência da República

Brasil

TSE já recebeu nove registros de candidaturas à Presidência da República

12/08/2022 – 13:02:55 Com informações de TSE e revisão de redação Até as 12h desta quinta-feira (12), o TSE...