Paraná

Live da Escola Judiciária do TRE-PR fala sobre candidaturas laranjas e como identificá-las

Produzida pela Comissão Mulheres na Política, a transmissão, que contou com a participação do Dr. Carlos Alberto Costa Ritzmann e da servidora Eliane Bavaresco

Imagem: Divulgação/TRE-PR

29/05/2020 – 08:22:46

TRE-PR

Na última quarta-feira (27), aconteceu a live “Candidaturas Reais x Candidaturas Laranjas: como identificar?”, organizada pela Escola Judiciária do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) por meio da Comissão Mulheres na Política. A transmissão, que ocorreu ao vivo pelo canal do Tribunal no Youtube, foi mediada pelo Dr. Carlos Alberto Costa Ritzmann, diretor executivo da EJE-PR e juiz-membro da Corte, e contou com a participação da servidora Eliane Bavaresco Volpato, mestre em Direito Constitucional e autora do livro “Candidaturas Laranjas”. A juíza Adriana Simette, presidente da Comissão Mulheres na Política e titular da 174ª Zona Eleitoral de Curitiba, fez uma saudação inicial.

A live chegou a ter uma audiência de 117 pessoas assistindo ao mesmo tempo. A gravação, disponível na íntegra no canal do Tribunal no YouTube, chegou a mais de 400 visualizações nas primeiras 24 horas no ar.

No início da transmissão, o Dr. Carlos Ritzmann afirmou a Justiça Eleitoral possui o desejo de alcançar a igualdade na representação de gêneros na política. Eliane Bavaresco falou sobre assuntos como a dominação política masculina, a falta de representação feminina no pleito e as ações afirmativas do poder público para aumentar essa representatividade.

Candidaturas laranjas

Atualmente, a legislação prevê percentual mínimo de 30% e o máximo de 70% para candidaturas de cada sexo. A regra está prevista no artigo 10, parágrafo 3º, da Lei nº 9.504/1997 (Lei das Eleições).

No entanto, verifica-se o insistente descumprimento da regra de cotas por meio de candidaturas laranjas, que são lançamentos de nomes de mulheres visando apenas o deferimento do pedido de registro coletivo.

Eliane Bavaresco conta que as candidaturas laranjas foram identificadas quando a Justiça Eleitoral começou a observar um número maior nos últimos anos de renúncias sistemáticas de mulheres após o deferimento do registro de candidatura.

Também foi notado que muitas mulheres não praticavam atos de campanha e não prestavam contas à Justiça. Houve até mesmo casos de mulheres que fizeram propaganda para outros candidatos, oponentes delas no pleito, e muitas obtiveram um número de votos desproporcional ao valor recebido para suas campanhas, o que gerou a desconfiança de estarem repassando o recurso para candidaturas masculinas.

O projeto

Mulheres na Política: Construindo Candidaturas é um projeto da EJE-PR que oferece conteúdo mínimo para a postulação e o exercício de mandatos eletivos pelo público feminino. O objetivo é instrumentalizá-las para o registro de suas candidaturas e fomentar o interesse dos partidos políticos e das próprias mulheres pela participação no processo democrático.

Clique aqui para ter acesso à integra do programa



Receba nossas principais notícias em seu celular
Participe dos nossos Grupos Oficiais


GRUPO DO WHATSAPP GRUPO DO FACEBOOK

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidos pelo whatsapp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Leia Também

Anvisa autoriza fabricação de novo medicamento à base de cannabis

Brasil

Anvisa autoriza fabricação de novo medicamento à base de cannabis

28/11/2022 – 19:22:40 Com informações de Agência Brasil e revisão de redação A Anvisa (Agência Nacional de...

Terminal do Trevo é colocado à venda em Guarapuava

Guarapuava

Terminal do Trevo é colocado à venda em Guarapuava

28/11/2022 – 16:45:03 Redação Após ficar algum tempo fechado, e com aspecto abandonado, o Terminal do Trevo de...

Governo Estadual propõe privatização de três hospitais públicos

Paraná

Governo Estadual propõe privatização de três hospitais públicos

28/11/2022 – 13:04:01 Com informações de assessoria e revisão de redação Os hospitais públicos do Paraná...

Tragédia em Aracruz: Senadores prestam solidariedade, exigem apuração e alertam para liberação de armas

Brasil

Tragédia em Aracruz: Senadores prestam solidariedade, exigem apuração e alertam para liberação de armas

28/11/2022 – 08:44:44 Com informações de Agência PT e revisão de redação Atentados nesta sexta-feira (25)...

Marcelo Castro quer votação da PEC da Transição até 10 de dezembro

Brasil

Marcelo Castro quer votação da PEC da Transição até 10 de dezembro

28/11/2022 – 08:18:30 Com informações de Agência Senado e revisão de redação Relator do Orçamento de 2023,...

Haddad diz que reforma tributária é prioridade do próximo governo

Brasil

Haddad diz que reforma tributária é prioridade do próximo governo

25/11/2022 – 18:35:46 Com informações de Agência Brasil e revisão de redação O ex-prefeito de São Paulo,...